domingo, 20 de junho de 2010

...

Eu realmente sinto muito,

Mas eu não tenho mais 14 anos,e nem aquele coração puro e romântico que a cada noite inventava uma história de amor com você.Os meus olhos não brilham mais,e mesmo se pudessem brilhar,eu os prefiro secos agora.
(...)
E esse beijo realmente era para ser a coisa mais feliz de toda minha vida.Eu fiquei esperando minhas pernas ficarem bambas,mas elas se manteram firmes o tempo todo...E então esperei pelas borboletas no estomâgo e no entanto ele estava vazio e era por causa da fome,literalmente.As minhas mãos nem se quer ousaram em ficar úmidas,e eu fiquei a espera do nervosismo e da anciedade..mas eles também não apareceram.E foi tudo tão normal..tão comum e tão igual aos outros beijos..e então eu me lembrei de que eu não tenho mais 14 anos,e que esse romantismo todo não faz mais parte de mim,e pra ser mais óbvia,acho que nunca fez..tudo fazia parte de uma doce ou amarga ilusão (?),bem tanto faz..



*Essa não é uma história de vitimas ou culpados,e muito menos de amor.É uma historia de uma menina que achava que sabia amar alguém.Mas não,ela não tem nem noção de como se faz isso.E decidiu então jogar tudo pro alto,e acho que realmente foi uma boa escolha! (;

3 comentários:

  1. que texto lindo! *-*

    ResponderExcluir
  2. Oiie! Aqui é a Lary do blog Dream Girls to passando pra dizer que tem selinhos pra vc no meu blog.
    http://dreamgirlsteen.wordpress.com/2010/06/28/atualizacoes/
    beijinhos

    ResponderExcluir